Jejum de Daniel: veja a lista de alimentos permitidos e proibidos

Você já pode ter escutado relatos de pessoas adeptas à prática do jejum de Daniel, como também já ter ouvido sobre campanhas em Igrejas em prol dela.

Porém, sempre estamos acostumados a saber de uma dieta por meio de mídias que mostram como pessoas famosas obtiveram sucesso.

Mas, no caso do Jejum de Daniel, não se trata somente da perda de peso, mas também de uma desintoxicação corporal e espiritual.

Por isso, sempre pense no Jejum de Daniel não como algo que vai somente mudar a sua balança. Ele irá modificar o seu corpo como um todo.

O que é o jejum de Daniel?

Antes de mais nada, é preciso esclarecer o que é o jejum. Este, nada mais é, do que o período em que você fica sem comer nada. As pessoas normalmente fazem isso para obter algum tipo de benefício.

jejum de daniel alimentos permitidos e proibidos

Entretanto, elas fazem todos os dias jejuns sem nem ao menos perceber. Por exemplo, costumeiramente, quando alguém vai dormir, fica em jejum por algumas horas e depois quebra com um café da manhã.

O Jejum de Daniel é baseado em uma das práticas alimentares de um dos profetas seguidores de Jesus e que está na Bíblia.

No livro de Daniel, você pode encontrar como ele realizou o seu jejum tomando como base muitos alimentos de origem vegetal e excluindo o pão e muitos dos alimentos de origem animal.

Quanto tempo dura o Jejum de Daniel?

O tempo em que se segue a dieta do jejum pode variar, chegando a ser até de 21 dias em que a pessoa não irá comer carne, alimentos processados e cheios de sódio e gordura, nem mesmo irá tomar bebida alcoólicas.

Para saber corretamente o que se pode ou não comer em um jejum de Daniel, é preciso descartar tudo aquilo que a Bíblia considera como sendo impuro.

Mas, não se preocupe, neste artigo iremos te dar algumas dicas de como você pode fazer o jejum de Daniel e obter o melhor resultado tanto para o seu corpo, como para a sua mente e espírito.

Como surgiu o jejum de Daniel?

Essa prática ganhou maior notoriedade quando o ator de Holywood, Chris Pratt, começou a realizá-la.

Entretanto, ele já era realizado por muitas pessoas ao redor do planeta. Não se trata de uma invenção recente, mas é muito comum principalmente entre os cristãos protestantes.

A sua origem está na Bíblia – Antigo Testamento – no livro do profeta Daniel. Na ocasião, Daniel propõe uma alimentação de inicialmente 10 dias comendo como os escravos: com água e legumes.

Ao final desse período, seus adeptos observaram que estavam com uma aparência melhor do que a de reis, que apenas comiam alimentos tóxicos e que se pautavam na exploração de outros seres.

Assim, o Jejum de Daniel também pode ser entendido como um ato de abrir mão de outros vícios, como o de uma vida cheia de regalias. Quando for realizá-lo, tenha isso em mente e opte pelas orações para purificar-se.

Como fazer o jejum de Daniel

Para fazer o jejum de Daniel você precisa, inicialmente, estar disposto a abrir mão de uma série de alimentos que são tóxicos ao nosso organismo.

Entre eles estão: os salgadinhos, refrigerantes, bebidas, carnes vermelhas, entre outras coisas. Até mesmo muitos frutos do mar e peixes são proibidos, já que são considerados pela Bíblia como alimentos tóxicos.

Entretanto, essa não é apenas uma dieta da moda em que você deve somente se preocupar como que come. É fundamental que você também faça devidamente as suas orações.

Somente assim você irá saber como Deus está te orientando para você chegar ao seu objetivo final. E este nem sempre precisa ser o emagrecimento, mas pode ser um desintoxicar-se em amplo sentido.

São muitos benefícios que você pode ter com o jejum ao articular uma alimentação saudável com a oração. (Conheça a oração da manhã baseada no Pai nosso)

Você irá tanto começar a preparar mais o que come, dando mais valor à sua alimentação e assim se conhecendo mais.

Como também irá ter uma prática religiosa mais regrada para que consiga as devidas orientações do que deve fazer no seu dia a dia.

Assim, você pode começar a experimentar este jejum aos poucos, ficando algumas horas sem comer e evitando ao máximo os alimentos tidos como tóxicos.

Depende de você criar novos hábitos para ter uma melhor saúde tanto espiritual como física.

Lista de alimentos proibidos no jejum de Daniel:

  • Salgadinhos e outro alimentos fritos
  • carnes em geral
  • Produtos de origem animais
  • derivados de leite
  • gordura sólida
  • doces (inclusive qualquer tipo de açúcar e adoçante)
  • bebidas: todas as alcoólicas, chás, refrigerantes, água com gás e o cafezinho também está proibido.

Lista de alimentos permitidos durante o jejum de Daniel:

  • Água
  • Frutas e vegetais em geral
  • Os legumes
  • Os grãos integrais e cereais.
  • Frutos secos
  • Sementes
  • Ervas e temperos
  • Óleo vegetal saudável, como de oliva, canola, girassol, etc)

Montar um cardápio vai exigir um pouco de paciência e pesquisa, mas o resultado valerá a pena.

Veja também: Armaduras de Deus: seus significados e sua oração


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/admin/web/literatura-urgente.com.br/public_html/wp-includes/functions.php on line 4552

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/admin/web/literatura-urgente.com.br/public_html/wp-includes/functions.php on line 4552